“A responsabilidade pela Segurança é do Estado e da União”, disse o prefeito Paulo Falcão.

 

LOJÃO DO BEBÊ – A LOJA DE CONFECÇÕES MAIS COMPLETA EM ARTIGOS PARA ADULTOS E CRIANÇAS. AO LADO DO KI FRANGAÇO NINGUÉM TEM PREÇO IGUAL!

 

 

Na manhã desta segunda-feira (5), por iniciativa do vereador Arlindo, aconteceu na Câmara de Vereadores, um encontro que reuniu autoridades, alguns empresários da cidade e representantes do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

A reunião teve como finalidade refletir sobre a segurança no município, visando melhorias que possam trazer mais tranquilidade à população ameliense.

O morador e ex-secretário de Meio Ambiente, Davi Grilo, que reside ao lado da agência do bradesco (última a ser explodida na cidade 30/01), falou do drama vivido durante as explosões e sugeriu a criação de uma Lei que proíba a instalação de agências bancárias entre casas residenciais.

Além do que já foi mencionado até aqui, foram apresentados os seguintes pontos: a necessidade do aumento do efetivo policial; instalação de câmeras de alta resolução; aquisição de um DRONE e a criação de um Conselho Municipal de Segurança.

Reabertura do Banco do Brasil

O Diretor de Segurança do Banco do Brasil, que também se fez presente no Encontro, explicou que o Banco vai fazer todo esforço  para que a Agência volte a funcionar o mais rápido possível, porém, ainda não se pode fazer uma previsão de data.

A palavra do prefeito

O prefeito Paulo Falcão, que pediu desculpas por chegar atrasado, após esclarecer que “a segurança é uma responsabilidade do Estado e da União”, falou sobre o esforço que ele tem feito para melhorar a segurança no município. ” Mesmo sendo da responsabilidade do Estado e da União, nós estamos sempre fazendo alguma coisa para um funcionamento melhor. Já estive com o Secretário de Segurança para pedir aumento no efetivo e  todo apoio necessário para que possamos melhorar essa situação”, disse o prefeito. Paulo Falcão também falou que já estão sendo tomadas as providências para a aquisição das câmeras.

Entre as autoridades presentes, também estavam o tenente Rodrigo, comandante do Batalhão PM e o delegado Idelfonso Monteiro, que falaram sobre Segurança.

Fotos: Agamenon/Israel Silva

PASTORIN CONTINUA VENDENDO CESTA BÁSICA POR R$150,00 PARA DUAS VEZES, ITAPICURU E FUNDIÇÃO

2 COMENTÁRIOS

  1. Todos falam a mesma coisa, que a responsabilidade da segurança é do Estado e União. Só que o Município tbm tem sua parcela. Lembro que na gestão passada, o gestor pagou as despesas (casa, alimentação, combustível, etc) pra polícia especial, conhecida como Caatinga, para fazer a ronda noturna e impor respeito. Já na gestão do atual, tempos atrás, tinha toque de recolher.

  2. Bom dia. Já foi uma boa iniciativa, a reunião ontem na Câmara, vamos confiar em Deus para conquistar esse direito para a nossa cidade.

Deixe uma resposta